Incrível!Polêmico

Publicado 2016-11-07
21 Comentário

Esta fotografia esconde algo que você vai custar a crer. Macabro e inquietante...

Aviso: Este artigo pode ser desagradável para pessoas facilmente impressionáveis. Quando nos divertimos tirando fotos, é muito difícil pensar que iremos capturar algo estranho, embora há momentos em que as pessoas percebem quem, em suas fotografias, apareceu algo que anteriormente não estava ali. Há numerosos casos, como o do motorista de ônibus que fez uma selfie na frente do ônibus e captou um alienígena nele ou o da mulher russa que também fez uma selfie quando ia viajar de avião e apareceu outro suposto alien na parte traseira dele. Todas estas são fotos misteriosas, sem dúvida.

Esta fotografia esconde algo que você vai custar a crer. Macabro e inquietante... 1

Mas, em se tratando de fotografias antigas, tendemos a desconfiar de sua veracidade. Quando a tecnologia não era tão avançada e a técnica de fotografia estava em seus primórdios, as imagens podiam ter falhas, saíam queimadas ou eram produzidos outros efeitos que podiam ser interpretadas como "estranhos" naquela época. Pode-se dizer que foi quando começaram a surgir os truques de fotografia. No entanto, ao longo deste artigo, vamos falar de outro tipo de fotografias antigas, certamente muito mais macabras do que poderíamos pensar... Recomendo que siga lendo para você saber do que se trata...
Clique em “Página seguinte” para ver o resto do conteúdo do post.

Esta fotografia esconde algo que você vai custar a crer. Macabro e inquietante... 2

O que você vê nesta foto? Já falamos em outro artigo sobre o motivo pelo qual as pessoas da era vitoriana apareciam tão sérias nas fotografias. E argumentou-se que tirar uma fotografia, naquele tempo, não era algo que se fazia todos os dias e, por isso, as pessoas optavam por parecer sérias, pois seria algo para a "posteridade", que mostraria a seriedade e formalidade deles. Por esta razão, não haveria nada de incomum nesta foto.

Esta fotografia esconde algo que você vai custar a crer. Macabro e inquietante... 3

São apenas duas meninas vestidas com trajes da época, uma sentada em uma cadeira com o braço descansando sobre ela, enquanto a irmã, igualmente séria, está de pé, ao lado dela, com o braço direito ligeiramente reclinado. Chama bastante atenção a expressão das meninas, certo? Bem, isso é algo que poderia não ter muita importância. Mas, falando a verdade, nesse caso, tem sim, pois a expressão séria delas é muito importante.

Esta fotografia esconde algo que você vai custar a crer. Macabro e inquietante... 4

A importância desta foto é que essas duas meninas são dois cadáveres. São duas irmãs que morreram, na Inglaterra, no momento em que a Rainha Victoria decretou que o cadáver ou os cadáveres de uma família deveriam ser fotografados, para que se guardasse a foto como recordação. A partir desse momento, esta tradição começou a se expandir por várias partes do mundo. As famílias numerosas adotaram esse hábito que, embora macabro e bizarro, era muito significativo na época.

Esta fotografia esconde algo que você vai custar a crer. Macabro e inquietante... 5

Normalmente, os membros da família costumavam sentar-se com os mortos, que eram preparados e posicionados como mais um membro da família, como um manequim ou uma estátua. Na foto das meninas, o que chama bastante a atenção é a rigidez do braço da menina da direita, meio inchado, como se fosse falso. Tudo era preparado: ao morrer, as pessoas eram preparadas e vestidas justamente para esse momento, antes do enterro.

Esta fotografia esconde algo que você vai custar a crer. Macabro e inquietante... 6

A preparação das fotos "post mortem" chamava-se tanatopraxia (a partir do grego tanathos, "morte", e praxis, "prática”). Tratava-se simplesmente de que as imagens parecessem reais, colocando-se os mortos de forma a que parecessem dormir ou em posições comuns e usuais, como se fossem uma outra pessoa da família. O processo iniciava-se com uma injeção de fluido conservante, diretamente no sistema circulatório.

Esta fotografia esconde algo que você vai custar a crer. Macabro e inquietante... 7

Na sequência, passavam aos cuidados estéticos, para que a aparência do falecido permanecesse íntegra, retardando os efeitos post mortem e a decomposição (por cerca de 15 dias). Naquela época, significava um consolo para o sofrimento da família que acabara de perder um ente querido, como bebês ou crianças pequenas, de modo que, mesmo parecendo insensato, parecia algo mais "vivo". Quanto à maquiagem do cadáver, os fotógrafos da época eram verdadeiros artistas, embora isso também variasse, dependendo da causa da morte.

Esta fotografia esconde algo que você vai custar a crer. Macabro e inquietante... 8

Em alguns casos, conseguia-se obter resultados muito bons, mas, às vezes, o tempo passado desde a morte era longo demais para permitir um bom trabalho e era muito difícil conseguir uma "aparência serena e natural", terminando, assim, com um resultado meio "macabro". Sem dúvida, este é um assunto tão interessante, quanto perturbador e, embora em nossos dias isso seja impensável, as pessoas da época não tinham essa opinião. Por isso, hoje temos a "sorte" de contar com fotografias históricas deste calibre. [b]Se você achou interessante, por favor, compartilhe esse artigo com todo mundo e dê um Like em nossa página de Facebook!

Fonte: conspiracionenlared.com

[/b]

Esta fotografia esconde algo que você vai custar a crer. Macabro e inquietante... 9
49
O que você acha?! Juntar-se à conversa
DAVE DAVE, O AMIGO de Michael Jackson QUEIMADO Pelo Pai
Francisco Souza
Francisco Souza 19/11/16 07:15
pzer sempre valorizando as pessoas depois da morte
Rodrigo Marinho
Rodrigo Marinho 09/11/16 07:03
Não, as duas estão. Isso é oq está escrito na terceira "página" do artigo: A importância desta foto é que essas duas meninas são dois cadáveres. São duas irmãs que morreram, na Inglaterra, no momento em que a Rainha Victoria decretou que o cadáver ou os cadáveres de uma família deveriam ser fotografados, para que se guardasse a foto como recordação.
Marcelo Jovanaci Siqueira
Marcelo Jovanaci Siqueira 09/11/16 07:03
Olha isso Isabela T. Reis Siqueira
Gabriel Crvg Silva
Gabriel Crvg Silva 09/11/16 07:03
Olha isso Raquel Cardozo
Bruna Fernandes Santos Simões
Bruna Fernandes Santos Simões 09/11/16 07:03
Quezia Simoes olha ai
Mirele Costa ZF
Mirele Costa ZF 09/11/16 07:03
Credo gente Q medo
Beatriz Januario Nascimento
Beatriz Januario Nascimento 09/11/16 07:03
Normal , guardar foto de quem ja faleceu,nao achei nada de macabro,
Rodrigo Marinho
Rodrigo Marinho 09/11/16 07:03
Acho que vc não entendeu, eles não só guardavam fotos de falecidos, a foto era tirada quando a pessoa já estava morta. Imagina você arrumar e enfeitar um cadáver, sentar do lado dele e tirar uma foto? Eu achei esquisito
Gurgel Araújo
Gurgel Araújo 09/11/16 07:03
Não é uma foto de quem morreu, ela ja estava mort na foto, entendeu?
Beatriz Januario Nascimento
Beatriz Januario Nascimento 09/11/16 07:03
Isso sim é assustador !
Beatriz Januario Nascimento
Beatriz Januario Nascimento 09/11/16 07:03
Nossa como conseguiram por os morto em pé.
Rodrigo Marinho
Rodrigo Marinho 09/11/16 07:03
Kkkkkkk aí já era outra macumba deles
Rodrigo Marinho
Rodrigo Marinho 09/11/16 07:03
Acho que vc não entendeu, eles não só guardavam fotos de falecidos, a foto era tirada quando a pessoa já estava morta. Imagina você arrumar e enfeitar um cadáver, sentar do lado dele e tirar uma foto? Eu achei esquisito
Gurgel Araújo
Gurgel Araújo 09/11/16 07:03
Não é uma foto de quem morreu, ela ja estava mort na foto, entendeu?
Beatriz Januario Nascimento
Beatriz Januario Nascimento 09/11/16 07:03
Isso sim é assustador !
Beatriz Januario Nascimento
Beatriz Januario Nascimento 09/11/16 07:03
Nossa como conseguiram por os morto em pé.
Rodrigo Marinho
Rodrigo Marinho 09/11/16 07:03
Kkkkkkk aí já era outra macumba deles
Lucca Morandin Graboski
Lucca Morandin Graboski 09/11/16 07:03
Sim! Apenas a que está "em pé" .
Gurgel Araújo
Gurgel Araújo 09/11/16 07:03
Antigamente era muito comum as famílias registrarem fotos pos-mortem, era feita uma técnica para que o cadaver permanecesse intacto por mais ou menos uns 15 dias, eles faziam um último registro pois fotos era algo muito caro, muitas das vezes a foto pos-mortem era o único registro que o individuo tinha.
Lucca Morandin Graboski
Lucca Morandin Graboski 09/11/16 07:03
Não! Apenas a que está "em pé" .
Rodrigo Marinho
Rodrigo Marinho 09/11/16 07:03
A importância desta foto é que essas duas meninas são dois cadáveres. São duas irmãs que morreram, na Inglaterra, no momento em que a Rainha Victoria decretou que o cadáver ou os cadáveres de uma família deveriam ser fotografados, para que se guardasse a foto como recordação.
Helen Marques
Helen Marques 09/11/16 07:03
Me faz lembrar aquele filme,Os Outros.
Clarete Pinheiro
Clarete Pinheiro 09/11/16 07:03
Assustador e muito interessante... Né! Tbm mostrou isso
Clarete Pinheiro
Clarete Pinheiro 09/11/16 07:03
Assustador e muito interessante... Né! Tbm mostrou isso
Breinner Freitas
Breinner Freitas 08/11/16 07:03
Pois é, galera! Antigamente não existiam celulares ou aparelhos compactos de fotografia. Além de ser um"trambolho" p carregar, ainda não eram baratas as revelações das fotos! Por isso, pela ausência de fotos em abundância, as pessoas aproveitavam o infeliz momento da morte, p guardar de lembrança, afinal, ngm sabe o dia derradeiro. O q hj consideramos macabro, antigamente, era além de comum, tbm uma forma de se recordar da pessoa falecida!
Joao Vitor
Joao Vitor 08/11/16 07:03
Os dois estão mortos
Lucca Morandin Graboski
Lucca Morandin Graboski 09/11/16 07:03
Não! Apenas a que está "em pé" .
Rodrigo Marinho
Rodrigo Marinho 09/11/16 07:03
A importância desta foto é que essas duas meninas são dois cadáveres. São duas irmãs que morreram, na Inglaterra, no momento em que a Rainha Victoria decretou que o cadáver ou os cadáveres de uma família deveriam ser fotografados, para que se guardasse a foto como recordação.