Incrível!Histórias reais

Publicado 2017-05-12
1 Comentário

Posa para uma foto na pré-escola. Quando vê-la 30 anos depois, não pode acreditar que vê

Muitas pessoas acreditam que o verdadeiro amor está em algum lugar no mundo e que viemos à Terra para encontrá-lo e vivermos uma vida feliz. Os defensores desta teoria têm certeza de que o amor não é apenas puro acaso e tem mais a ver com o destino, ou uma força maior que nos orienta em direção à nossa metade da laranja que fará nossa vida completa e feliz. Por outro lado, há muitas pessoas que não acreditam em tais histórias e dizem que realmente tudo é uma questão de casualidade: estar no lugar certo, na hora certa, com a pessoa certa! Sendo romântico(a) ou não, veja o que aconteceu com os participantes dessa história da vida real...

Independentemente da versão em que você acredita, a história que você vai encontrar no artigo de hoje poderá fazê-lo pensar que nem tudo é puro acaso. Se você quiser conhecer a história de Justin e Amy, saiba que esta é uma daquelas histórias que vale a pena conhecer. Justin Pounders e Amy Giberson, ambos com 35 anos hoje, decidiram procurar o amor de suas vidas em uma das páginas de relacionamento ou namoro. Isso ocorreu em 2014, uma semana depois de Justin ter se mudado de Orlando para a Flórida. Os algoritmos do sistema de encontros rapidamente os emparelhou e ambos começaram a se falar. Instantaneamente, eles notaram que algo especial os havia unido e quando eles finalmente marcaram seu primeiro encontro, esse sentimento só se aprofundou. Amy confessou a suas amigas naquele momento que ela achava que Justin seria seu marido. E ela estava totalmente certa!

Posa para uma foto na pré-escola. Quando vê-la 30 anos depois, não pode acreditar que vê 2

O casal começou a namorar e, um mês depois de se conhecerem, Justin admitiu que tinha uma fraqueza por mulheres com o nome de Amy e que havia se apaixonado na infância por uma menina com aquele nome, porém sua nova namorada não prestou muita atenção a isso. Quando o relacionamento já estava com quase um ano, Amy encontrou uma pequena cicatriz no olho de Justin. Perguntou a ele a respeito e Justin respondeu que havia caído das barras de um trepa-trepa na hora do recreio na pré-escola chamada Good Ol'Sunshine, St. Petersburg, Florida. Foi então que as coisas começaram a ficar interessantes para Amy...
Veja na página seguinte para ver a história completa.

Posa para uma foto na pré-escola. Quando vê-la 30 anos depois, não pode acreditar que vê 3

Embora ambos tenham vivido na mesma área, atenderam a colégios diferentes e nunca chegaram a se conhecer antes. No entanto, nunca havia passado pela cabeça deles comentar sobre a pré-escola. Acontece que ambos frequentaram a mesma creche e na mesma classe. As mães de Amy e Justin confirmaram que ambos frequentaram a Good Ol' Sunshine ao mesmo tempo. Além disso, uma fotografia da classe tirada há 30 anos revelou uma história, no mínimo, curiosa e muito surpreendente. Na fotografia apareciam os dois, sentados um ao lado do outro. Você já fez a ligação com o que lhes apresentamos até agora?

Posa para uma foto na pré-escola. Quando vê-la 30 anos depois, não pode acreditar que vê 4

Ocorre que o primeiro amor infantil Justin foi Amy, a mulher a quem conheceria aos 30 anos em uma página de relacionamentos! Sua antiga professora, Diane Twar, ainda se lembrava de seu pequeno romance e disse que era um amor silencioso e tímido. Eles diziam que gostavam um do outro e quiseram ficar lado a lado na foto. No entanto, três décadas mais tarde eles iriam se conhecer com um amor maduro. Quer saber o que aconteceu depois com o relacionamento deles? Você vai descobrir na próxima página do artigo.
Clique em Página Seguinte para ver o resto do conteúdo do post.

Posa para uma foto na pré-escola. Quando vê-la 30 anos depois, não pode acreditar que vê 5

Sua história ficou tão famosa que, em 2015, eles apareceram na televisão, no programa "The View", que falou sobre esse incrível encontro e suas emoções. No entanto, Justin, 33, na época, tinha preparado para ela uma grande surpresa. Ajoelhou-se em frente às câmeras e disse: "Amy, eu te amo. Você é tudo para mim. Você quer se casar comigo?", ninguém pôde conter as lágrimas, incluindo a apresentadora, Candace Cameron. Amy não esperava pelo que iria acontecer segundos depois! Justin ientrou em contato com a sua antiga professora de creche para pedir-lhe um favor...

Final feliz

Foi feita uma transmissão ao vivo da pré-escola Good Ol' Sinshine, com todas as crianças e um grande cartaz: "Amy, você quer se casar comigo?". Desta maneira tão espetacular, o casal passou do namoro ao noivado, na frente de todos. "Quando o vi pela primeira vez, eu senti que eu estava olhando para o homem que com eu iria me casar", Amy confessou durante o programa. O que aconteceu depois? O passo natural é o casamento e, efetivamente, foi assim sua história. Veja as fotos abaixo e saiba o que aconteceu no final!

Final feliz 1

Final feliz

Cerca de um ano mais tarde, Justin e Amy Pounders se casaram em sua cidade natal, St. Petersburg, na Florida, para garantir que o amor infantil que os uniu na creche não iria separá-los nunca mais. Depois de um casamento emocionante, os dois saíram em lua de mel, para visitar as ilhas do Caribe. Recentemente, o casal até abriu uma conta no Instagram em que eles compartilham suas fotos com os outros. Sem dúvida, é um amor especial, que nasceu na escolinha, como algo tão infantil, frágil e efêmero. No entanto, ele foi capaz de resistir ao teste do tempo, de uma maneira que nem mesmo eles poderiam suspeitar.

Depois de ter conhecido a história em detalhes, queremos saber a sua opinião: O amor é algo que acontece por acaso ou é algo que foi reservado pelo destino? Compartilhe seus pensamentos conosco e não esqueça de curtir nossa página no Facebook!
Fonte: dailymail.co.uk / dailymail.co.uk / Instagram - preschool_sweethearts / Giphy

8
O que você acha?! Juntar-se à conversa

Noiva morreu antes do casamento. Após 7 dias, o namorado encontrou uma foto que ela esqueceu de apagar
Jaine Pinheiro
Jaine Pinheiro 09/06/17 06:03
Que história surpreendente. esse mundo é muito pequeno mesmo