Incrível!FamososPais e Filhos

Publicado 2017-08-07
2 Comentário

9 celebridades que têm filhos com deficiência

Ter um filho é considerado um dos pontos altos do propósito de vida de todo ser humano, juntamente com escrever um livro e plantar uma árvore por exemplo. Mas isso não significa que será algo fácil, especialmente se os problemas financeiros e sociais acompanharem de perto a família em questão. Um outro motivo muito forte que nos faz repensar a paternidade ou maternidade é quando as crianças chegam com alguma deficiência, que nos faz questionar nossa própria sorte. Depois de passado o susto estes anjinhos se tornam os maiores apoios que qualquer pai e mãe poderiam ter, como é o caso desses pais famosos. Confira!

1. John Travolta e Kelly Preston

John Travolta (63) e Kelly Preston (54) são dois atores consagrados pela indústria de Hollywood graças aos envolvimentos em filmes e projetos que possibilitaram uma escalada rumo ao sucesso. Como tudo não são flores, em 2009 (de forma inesperada) seu filho mais velho Jett (†16) veio a falecer. Ele sofria da síndrome de Kawasaki (inflamações das paredes dos vasos sanguíneos), e autismo. Apesar de ter tido todos os cuidados necessários, Jett faleceu na casa de verão dos seus pais. Os desafios que às vezes a vida nos propõe conseguem arrancar de nós mesmos o nosso melhor presente.

Veja na página seguinte mais pais com seus filhos mais que especiais!

2. David e Victoria Beckham

O casal, formado pelo ex-jogador de futebol David (42) e a ex-membro do grupo musical "Spice Girls" Victoria (43), tem desfrutado de seus quatro filhos desde que nasceram. Um deles tenha um problema bastante grave... ele sofre de epilepsia. Graças aos pedidos feitos pelos seus pais aos paparazzi para que não usassem flashes durante as sessões de fotos, o filho, Romeo (15), tem se acostumado e dessa forma evitado os ataques epiléticos. Sem dúvidas uma idéia brilhante e que tem funcionado muito bem.

3. Toni Braxton

A artista Toni Braxton(49), apesar de situações familiares e pessoais catastróficas, tem tirado proveito de seu sucesso sempre se levantando a cada tropeço e seguindo em frente. Uma das dificuldades que mais a fizeram se sentir orgulhosa foi a sua atitude diante da doença de seu filho, Diezel, que sofre de autismo. Buscando forças, tratou de fazer a si mesma seu próprio suporte se mantendo como uma das vozes mais reconhecidas na luta pela descoberta precoce da TEA (Transtorno do Espectro Autista). Exemplos de superação são o que esses pais necessitam para lidar com essas situações e seguir em frente.

Confira mais exemplos como este na página seguinte!

4. Sylvester Stallone

Sylvester Stallone (71) também teve que lidar com o problema de autismo com o seu segundo filho, Seargeoh (38). O ator, que estrelou Rocky Balboa, fez o mesmo que seu personagem e seguiu em frente buscando forças com o apoio do seu filho, porém o golpe veio de onde ele menos esperava: quando o seu primeiro filho faleceu por causa de um problema cardíaco. Apesar desse terrível fato, Sylvester segue buscando a reunião familiar junto aos seus outros 4 filhos e sempre que pode, doa seu dinheiro para instituições para combater em outras crianças a mesma doença que afetou o seu filho.

5. Jenny McCarthy

A atriz e modelo americana Jenny McCarthy (44), que alcançou a fama posando para uma revista popular de conteúdo adulto, teve com seu ex-marido um filho que, segundo ela, se desenvolveu com normalidade. Porém, quando a criança tinha entre 1 e 3 meses de vida, ele teve uma reação negativa com algumas vacinas que desencadearam em um autismo. Isto a motivou a se tornar uma lutadora e defensora da idéia de não vacinar mais os próprios filhos, apesar de os médicos aconselharem exatamente o contrário. Nada se escapa da chamada loteria genética...

6. Colin Farrell

De seus vários romances ao longo de sua vida, James Padraig (15) foi o resultado de um deles. O jovem nasceu com uma doença chamada síndrome de Angelman, o que faz que ele tenha, entre outros problemas, ataques de epilepsia, uma capacidade comunicativa quase nula e problemas de equilíbrio e movimentos. Isso não impediu Colin Farrell (41) de agir como um pai exemplar, vestindo seu filho muito bem em repetidos eventos e levando-o em seus braços para que pudesse desfrutar de momentos juntos.

7. John C. McGinley

Ator muito popular que alcançou a fama fazendo parte do elenco do filme “Platoon”, John C. McGinley (58), tem um filho chamado Max, que veio ao mundo com síndrome de Down. Embora seu casamento tenha acabado anos depois, ele tem se mostrado como um forte defensor da doença, se referindo muitas vezes ao grande apoio que recebe de seu filho. Mais tarde, com sua nova parceira Colin pêde dar a Max mais 2 irmãs, fazendo com que ele não se sentisse sozinho. Esse exemplo serve para poder dar forças a outros pais que vivem a mesma situação.

8. Joe Mantegna

O ator Joe Mantegna (69) sempre foi associado à filmes de máfia ítalo-americana, mas quando chega a hora da verdade, a única coisa que ele preservou dessa essência foi o amor que ele demonstra pela própria família. E não importa se uma de suas filhas sofre de autismo... é exatamente isso que faz com que ele invista ainda mais carinho e amor para compensar. Sua esposa fundou uma associação para pessoas na mesma condição. Sua outra filha também conseguiu encontrar um nicho de atuação, porém com menos êxito que seu pai.

9. Katia D’Artigues

A jornalista Katia D’Artigues (45) foi uma das mais famosas apresentadoras e entrevistadoras do México. Aparentemente ela mostrou mais habilidades ainda sendo mãe solteira e educando sozinha uma criança que veio ao mundo com síndrome de Down. Katia afirma que hoje, este fato é o seu apoio para enfrentar seus problemas diários. Sem dúvidas, uma boa lição de vida para entender que nem tudo que nos parece ruim de fato é.

Se você tem alguém especial em sua vida, compartilhe este artigo! Não esqueça de curtir nossa página no Facebook!
Fonte: Pixabay / Instagram / Facebook / Twitter

49
Homem que previu o fim do mundo em Setembro explica o porquê de não ter...
Homem que previu o fim do mundo em Setembro explica o porquê de não ter acontecido...
O medo da morte sempre nos causou grande preocupação com os acontecimentos mais recentes. Desde grandes catástrofes astronômicas, guerras nucleares ou mesmo atentados à sociedade com base na religião e justificados pela vontade divina, semearam o...
O que você acha?! Juntar-se à conversa
Gisele Nascimento
Gisele Nascimento 08/08/17 06:03
Ter um filho autista é uma tarefa que eu aceitei de todo o meu coração! Amo meu menino e me sinto realizada com suas descobertas e evoluções. <3
Roseli Páfaro
Roseli Páfaro 08/08/17 06:03
Mariana Lusvordes veja a matéria na íntegra. Veja o número 5.