Incrível!Controverso

Publicado 2017-09-12
14 Comentário

Autoridades descobrem o uso de monóxido de carbono na carne para melhorar sua aparência

Para muitos consumidores de carne, a escolha é baseada na coloração rosada do produto e isso serve de guia para determinar o seu tempo de abate. No entanto, descobriram que muitos fabricantes injetam monóxido de carbono para obter a aparência fresca e rosada que os consumidores tanto querem. O Japão e o Canadá, juntamente de muitos outros países europeus, proibiram o uso deste veneno na carne e os legisladores têm debatido se os produtores devem ou não continuar com essa prática nos Estados Unidos e na América Latina.

Embora a Administração de Alimentos e Medicamentos tenha dito que não é uma prática perigosa, muitos consumidores discordam. "No pior dos casos, pode ser arriscado. Na melhor das hipóteses, é uma enganação com os clientes", disse Wenonah Hauter, da Food and Water Watch. No entanto, os fabricantes continuam defendendo o direito de tratar a carne com monóxido de carbono. O problema surge porque a carne, mesmo sendo perfeitamente fresca, fica marrom quando exposta ao oxigênio. Sendo assim, muitos fabricantes decidem usar monóxido de carbono para evitar que isso aconteça.

Para entender melhor o funcionamento desta substância na carne, continue com a leitura.

Acontece que este gás incolor é altamente tóxico e se une a um pigmento da carne, mantendo as cores vibrantes e avermelhadas. "Esta tecnologia nos permite manter a cor avermelhada que os consumidores estão acostumados a buscar”, disse Randy Huffman, do American Meat Institute. No entanto, alguns membros do Congresso não se convenceram de que esta é uma prática danosa e alegam ser algo seguro e eficiente. Na verdade, como evidência, mostraram uma carne com dois anos de abate que ainda estava com aparência fresca e rosada graças à injeção de monóxido de carbono.

Isso nos traz algumas perguntas à tona como, por exemplo, se devemos realmente confiar no prazo de validade indicado na carne que vemos nos mercados ou se essa substância pode manter a carne saudável por longas datas. Por outro lado, os consumidores que não tem certeza se o seu supermercado permite a venda de carne tratada com monóxido de carbono e que não querem usar a cor como ''indicador de frescura'', possuem outras opções mais seguras para certificar o tempo de frescor do alimento.

Leia a próxima página para aprender estas técnicas.

Uma opção que pode lhe dar mais segurança é sempre conferir a data de validade. Como a maioria das lojas não quer vender carne de má qualidade aos seus clientes, as datas costumam ser aproximadas (mas não exatas). Além disso, você também pode julgar a condição da carne através do toque, que deve transmitir maciez, e da cor da gordura, que deve ser branca e não amarela. O estado da embalagem do alimento também pode dizer muito sobre sua qualidade: se o pacote de plástico estiver muito inchado ou prestes a explodir, pode ser um sinal de acumulação de gases e isso não é nada bom, pois indica que a carne se encontra em processo de deterioração. Na imagem abaixo, vemos uma carne antes e depois do uso de monóxido de carbono.

Finalmente, o melhor sinal para saber se a carne está estragada é, uma vez com a embalagem aberta, verificar o odor do produto: se estiver desagradável, não o consuma. Embora a ingestão de monóxido de carbono não seja aconselhável, ele é utilizado como conservante de alimentos e tem o poder de deixar a carne atraente por quase três semanas. Sem esta substância, a carne ficaria marrom em apenas um ou dois dias, o que causaria problemas financeiros para os vendedores, já que os clientes não querem comprar carne com tal aparência.

Para saber sobre os efeitos do monóxido de carbono no ser humano, leia a última página.

Quando inalado, o monóxido de carbono pode ser muito perigoso, causando morte imediata. Caso tenha sido inalada uma quantidade desta substância menor que a mortal, o fato pode causar ou estar associado a muitos efeitos crônicos graves para a saúde, particularmente no cérebro e no sistema neurológico. Até 40% dos envenenados podem sofrer amnésia, dores de cabeça, perda progressiva de memória, alterações comportamentais, perda muscular, incontinência e comprometimento da coordenação e visão.

No caso da carne, poderia existir efeitos nocivos relacionados com a ingestão de monóxido de carbono em pequenas quantidades durante longos períodos de tempo? Pelo menos um estudo científico informou que é altamente improvável que isso pudesse causar efeitos tóxicos à saúde humana. Não se sabe exatamente o que pode acontecer, mas "altamente improvável" não é suficiente para evitar que as pessoas tenham um pouco de medo quando se trata de uma toxina adicionada ao seu alimento. Será que uma proteção seria não consumir mais carne? Qual sua opinião sobre a alteração da carne a ser consumida? Você se sente enganado(a) ou não vê problema nas técnicas utilizadas por boa parte dos produtos?

Nos deixe um comentário com sua opinião, compartilhe este artigo para que todos saibam e não esqueça de curtir a nossa página no Facebook!
Fonte: Twitter

153
8 sinais de que você cresceu com um irmão/irmã tóxico
O que você acha?! Juntar-se à conversa
Saulo Barros Silva
Saulo Barros Silva 14/09/17 06:03
Imagine quando as " autoridades" descobrirem que os automóveis emitem dióxido de carbono e outros gases, e isso nem os deixa mais atraentes! Vai ser o apocalipse social.
Ângela Maria Mohr
Ângela Maria Mohr 14/09/17 06:03
Fora as "bixas" SAPRÓFITAS" (VERMES COMEDORES DE CADÁVERES) que ninguém vê proliferando ...A aparência é o de menos... INSANO, NOJENTO e extremamente CRUEL..!!! CARNIÇA é CARNIÇA disfarçada ou não... ECAAA!! Que NOJOOO!!!
Carlos Roberto Santos
Carlos Roberto Santos 14/09/17 06:03
JÁ SE FAZ ISTO HÁ DÉCADAS, E SÓ AGORA É QUE DESCOBRIRAM?? MUITO BEM!!
Karen Schultz
Karen Schultz 14/09/17 06:03
Ué...esperar o que de um pedaço de cadáver em putrefação?Que tenha uma cor "bonita"?
Guilherme Falco Guifalco
Guilherme Falco Guifalco 14/09/17 06:03
MONÓXIDO DE CARBONO NA CARNE!!?? Carai só pode estar de sacanagem essa página.
Flaviana Viana
Flaviana Viana 14/09/17 06:03
Ainda bem que não faço questão de comer carnes
Matheus Henrique
Matheus Henrique 14/09/17 06:03
Se for para melhor tá bom !
Letícia Beatriz
Letícia Beatriz 14/09/17 06:03
Carlos Alexandre, lembrei do Bretas.
Lidi Pinheiro
Lidi Pinheiro 14/09/17 06:03
Leonardo Pinheiro #GOVEGAN
Cárita Peixoto Cabral
Cárita Peixoto Cabral 14/09/17 06:03
Barto Peixoto, Laura Peixoto
Ed Peixoto
Ed Peixoto 13/09/17 06:03
Atmosfera modificada é permitida pela legislação é usada não só para evitar a oxidação da hemoglobina mas também para evitar a proliferação de microorganismos patogênicos aeróbios e anaeróbios. Usa-se também nitrogênio entre outros gases.
Aparecida Candida de Almeida
Aparecida Candida de Almeida 13/09/17 06:03
Jesus por isso tantas pessoas com câncer
Elis Cristina
Elis Cristina 13/09/17 06:03
Laryssa Costa Mayane Sousa Karol Lages
Cláudia Vieira
Cláudia Vieira 13/09/17 06:03
Fabiano Menotti Tonhão