Incrível!PolêmicoDicas

Publicado 2018-02-14
0 Comentário

Os estranhos conselhos sexuais de um livro que foi escrito há 300 anos

O sexo e suas variáveis está presente no imaginário e na vida das pessoas. O assunto sempre gera muita curiosidade, por mais natural que sua prática seja, pois se não fosse o sexo nós não estaríamos aqui, pois ninguém nasceria. Talvez por ter sido considerado durante muito tempo um assunto tabu, ainda desperte tanto interesse. Um manual com segredos do sexo escrito há 300 anos será leiloado no próximo mês em Londres. O livro, que foi banido do Reino Unido há quase 70 anos, traz conselhos inusitados dados os ingleses do século XVII e nós separamos alguns deles para você. Prepare-se, tem muita coisa estranha nesse livro!

1- Não faça sexo com animais

O manual, que traz gravuras bastante explícitas, diz que mulheres que fazem sexo com animais podem dar a luz a monstros, os quais exemplifica, como por exemplo um homem com uma grande cauda e uma criança com os braços cobertos por penas e pernas de galinha no lugar das humanas. Essa criança-pássaro teria nascido na Itália em 1512 e sua aparência bizarra seria culpa de uma mãe “ impura e imoral”. Interessante que só fala da culpa da mulher, sem mencionar homens que praticassem zoofilia.

Estamos só no começo do artigo. Clique em página seguinte e leia todas essas curiosidades.

2- Encare seu marido

A aparência da criança depende completamente da imaginação da mãe para o que diz respeito a seu marido. O livro diz que "se as mulheres lançarem os olhos sobre corpos doentes, a força da imaginação poderia produzir uma criança com lábio cabeludo ou com a boca retorcida". Qual seria a solução para o problema? Durante a relação sexual, as mulheres deveriam encarar com mais atenção o homem e "focar seu pensamento nele". Assim, a criança pareceria com o pai - que, espera-se, não tenha lábios cabeludos ou a boca retorcida.

3- Coma as coisas certas

Homens que queriam "espalhar sua semente", por sua vez, deveriam privilegiar uma dieta à base de raízes e de aves que cantam. A longa lista de alimentos recomendados para ajudar no desempenho sexual dos homens inclui ovos, gengibre, nabo, pardais, melros, perdizes e pombos jovens. As mulheres, o gênero mais propenso às indulgências sexuais segundo o livro, deveriam evitar "comidas gordurosas e temperos", porque esses alimentos fariam com que seu corpo se tornasse mais quente. Outra solução para as moças era simplesmente se casarem - e quando o desejo delas fosse desfrutado pelos maridos, "elas se tornariam mais felizes e mais cheias de vida".

Ainda temos muitas coisas para mostrar para você. Clique em página seguinte e veja todas elas.

4- Como escolher o sexo do bebê

Se o sonho da mulher fosse ter uma filha menina, ela deveria, logo após os sexo deitar-se sobre seu lado esquerdo. Se ela quisesse um menino, deveria então deitar-se sobre o lado direito. Além disso, o livro diz que há épocas do ano mais propensas para geração de meninos ou meninas. No caso de meninos, seria com o Sol em Leão e a Lua em Virgem. Para as meninas, o livro diz que o melhor período é quando a lua está na fase minguante, em Libra ou Aquário. Era necessário conhecimento astrológico para fazer filhos nessa época…

5- Não tenha pressa

Parece que esse fato é recorrente há alguns séculos, quando se trata de comportamento sexual masculino. O livro, que com certeza traz inúmeros absurdos entre suas recomendações, tem uma que é pertinente aos dias atuais. Nela, o autor recomenda que o homem não tenha pressa. "Quando fizer o que a natureza pede, o homem deve ter o cuidado de não se desvencilhar muito cedo do aconchego de sua mulher." Seria essa já uma reclamação das mulheres há tantos séculos? E será que eles seguiam?

Ainda faltam 2 curiosidades. Clique em página seguinte e não perca nenhuma.

6- Lembre que os homens vêm primeiro lugar

A obra fala sobre os homens como sendo "a maravilha do mundo, à qual todas as coisas estão subordinadas" e "cuja semente deveria ser vista como uma dádiva divina, revestida em abundância com espírito vital". De forma romântica, ela sentencia: "Sem dúvida, a união de dois corações no sagrado matrimônio é, das condições, a mais feliz, pois o homem passa a ter um 'segundo eu' para dividir seus pensamentos e uma doce companhia em seu trabalho". E que mulher sensata gostaria de ser considerada o "segundo eu" de seu marido?

E você, o que achou dessa publicação? Acha que possam haver algumas recomendações pertinentes aos dias de hoje? Se sim, você pode tentar participar do leilão da obra, no próximo mês, em Londres. Você conhece outras recomendações inusitadas para ter filhos de um determinado sexo ou conseguir engravidar? Se sim conte para nós, também somos curiosos e gostamos de saber as experiências vividas por nossos leitores. Se você gostou desse artigo curta ele em nossa página e marque os amigos que possam se identificar com essa inusitada história que trouxemos com o intuito de entreter você.

Se gostou deste artigo, nos deixe um comentário, compartilhe com todos e nos acompanhe também no Instagram!
Imagens: Twitter

0
O que você acha?! Juntar-se à conversa
Conheça seu signo indígena norte- americano