4 Comentário

Estudo revela que bebês que se PARECEM MAIS com o PAI são os mais saudáveis

Você pode estar feliz por ter os belos olhos amendoados que herdou da sua mãe, mas poderia ser melhor para sua saúde se você parecesse um pouco mais com seu pai, é o que afirma uma nova pesquisa que concluiu que bebês que se parecem mais com os pais são mais saudáveis. Parece besteira, mas estudiosos da State University of New York em Binghamton, nos Estados Unidos, comprovaram que isso realmente acontece. Ainda por cima, tem outra parte do estudo que impressiona: isso não tem nada a ver com a genética, mas simplesmente pelo bebê se parecer mais com o pai mesmo.

Estudo revela que bebês que se PARECEM MAIS com o PAI são os mais saudáveis 1

A análise foi baseada em dados da “Fragile Families and Child Wellbeing”, um levantamento dos nascimentos de crianças em áreas urbanas dos Estados Unidos feito pelas Universidades Princeton e Columbia. O estudo descobriu que o resultado encontrado tem a ver com a maneira como o pai vê o bebê. Foram estudados 715 casos de mães solteiras no país que estão criando o filho ou a filha recém-nascida, mas que os pais das crianças são presentes e também fazem parte do desenvolvimento do bebê.

Estudo revela que bebês que se PARECEM MAIS com o PAI são os mais saudáveis 2

Os dados foram cruzados duas vezes para chegar ao resultado final. A conclusão foi que os bebês que se pareciam com seu pai ao nascer são mais saudáveis no primeiro aniversário, o que sugere que a semelhança vista pelo pai entre ele e a criança o induz a passar mais tempo com ela. Isso quer dizer que passar mais tempo com o pai é tão importante que a saúde da criança aumenta se ela passar mais tempo com ele durante o primeiro ano de vida. A semelhança com a criança também faz com que o tempo gasto seja mais positivo.

Estudo revela que bebês que se PARECEM MAIS com o PAI são os mais saudáveis 3

Eles tratam o filho ou a filha melhor e se dedicam mais a ensinar e a divertir a criança, dando a ela vários estímulos diferentes, o que também ajuda a desenvolver tanto seu lado intelectual quanto físico, emocional e social. As crianças também tendem a se sentir mais confiantes e amadas quando os pais estão mais presentes de maneira positiva. O estudo descobriu ainda que os pais que percebem que o bebê é mais parecido com eles passam uma média de 2,5 dias mais por mês com seus bebês do que os pais que não acham a semelhança tão grande.

Estudo revela que bebês que se PARECEM MAIS com o PAI são os mais saudáveis 4

Solomon Polachek, professor de economia da Universidade de Binghamton e um dos principais pesquisadores do estudo, publicou no EurekaAlert! que os pais são importantes para educar uma criança a ponto de essa presença se manifestar na saúde do bebê. Segundo o estudioso, isso acontece porque aqueles pais que percebem a semelhança do bebê com eles estão mais certos de que o bebê é dele e, assim, passa mais tempo com o bebê. Por isso mesmo que não tem nada a ver com a genética.

Estudo revela que bebês que se PARECEM MAIS com o PAI são os mais saudáveis 5

Os pesquisadores também disseram que o resultado tem implicações sobre o papel do tempo junto do pai no aprimoramento da saúde infantil, especialmente em famílias não tradicionais que consistem em casas com crianças que moram apenas com o pai ou pais ou apenas com a mãe ou mais. Polachek ainda acrescentou que ele e os outros pesquisadores acham que a principal explicação para os indicadores de saúde da criança melhoram quando a criança se parece com o pai é que visitas frequentes do pai permitem muitas interações.

Estudo revela que bebês que se PARECEM MAIS com o PAI são os mais saudáveis 6

De acordo com ele, as visitas permitem um maior tempo de parentalidade para cuidados diversos, supervisão mais dividida do bebê e coleta de informações sobre saúde e necessidades econômicas, de maneira a ser mais solícito financeiramente também para o desenvolvimento da criança. Os pesquisadores disseram ainda que o estudo apoia políticas para incentivar os pais não residentes se engajem em seu papel com mais frequência e contribuam para melhorar a saúde da primeira infância de seus filhos.

Estudo revela que bebês que se PARECEM MAIS com o PAI são os mais saudáveis 7

Além disso, eles também defendem que maiores esforços sejam feitos para encorajar estes pais a envolver mais frequentemente na vida de seus filhos através de aulas de pais, educação em saúde e treinamentos profissionais para aumentar os ganhos mensais. O nome original da pesquisa é "If looks could heal: Child health and paternal investment" ("Se aparência pudesse curar: Saúde infantil e investimento paterno", em tradução livre) e ela foi publicada no início deste ano no famoso Journal of Health Economics.

Se gostou deste artigo, nos deixe um comentário, compartilhe com todos e nos acompanhe também no Instagram!
Fotos: Pixabay

Estudo revela que bebês que se PARECEM MAIS com o PAI são os mais saudáveis 8
25
O que você acha?! Juntar-se à conversa

Pais que levaram o penteado dos seus filhos ao extremo
12/03/18 07:03
Olha parece com o pai , coitado, mas tem saúde isso que importa kkkkkkkkk.
12/03/18 07:03
Olha aí Paula Collares
11/03/18 07:03
Sorte do filho da Carolina Dickman, vai ser feio como o pai mas pelo menos vai ter saúde!
11/03/18 07:03
Renato Andrea LeiteLeite..kkk..concordo