Incrível!DicasVida Saudável

Publicado 2018-04-10
3 Comentário

Ginecologistas revelam 5 perigos de se remover pêlos da "zona do biquini"

Uma grande parte das mulheres sempre gostam de estar atentas às últimas novidades no mercado de beleza. Aí estamos diante de uma lista interminável: cremes para mãos, cabelos, corpo, maquiagens e muitos outros. Não sabemos exatamente quando o quesito depilação se tornou uma maneira de embelezamento e quase que uma “obrigatoriedade” às mulheres, mas sabemos que este procedimento está ligado a estética. A depilação é democrática: feita em casa ou com um profissional, costuma atingir as pernas, axilas e zona do biquini.

Não a beleza não tem que de modo algum exigir sacrifícios, mas, ao optar pela depilação completa, as mulheres toleram vários inconvenientes: pequenos cortes de navalha, dores intermináveis se puxar pêlos de determinada região e de posições nada confortáveis. Embora a depilação seja considerada comum, os médicos afirmam que nossos pêlos são responsáveis por nos manter saudáveis. Eles agem como uma barreira protetora que não deve ser retirada.

Leia na página seguinte o que a retirada de pêlos pode gerar.

1. Proteção contra germes

Pêlos pubianos tem a função de protege a superfície da pele de diferentes germes. Roupa íntima grudada, roupas apertadas, bem como umidade elevada e ventilação insuficiente, freqüentemente criam condições favoráveis para sua rápida reprodução. O melhor aqui é usar roupas mais confortáveis e deixar a depilação ou menos frequente ou que não se retire todo o pêlo.

2. Proteção contra micro-lesões

A pele da “zona do biquini” é muito sensível e frágil, portanto mais propensa à irritações. A remoção de pêlos, principalmente com a utilização de uma navalha, está sempre associada ao risco de micro-cortes. E, ao contrário de outras regiões, essas pequenas lesões na zona do biquíni cicatrizam mais lentamente. E aí vai outra vantagem de não se depilar, por reduzir a probabilidade de inflamações locais: adeus pêlos encravados!

Confira outras dicas na página seguinte.

3. Reduzir o risco de DSTs

Os estudiosos acreditam que o risco de contrair doenças sexualmente transmissíveis, por exemplo gonorréia ou herpes, é muito maior para as mulheres que depilam por completo a “zona do biquíni”. Segundo os especialistas isso se deve ao atrito mais intenso durante o sexo com um parceiro, o que pode causar pequenos danos à pele. Claro, que os pêlos pubianos não são garantia de 100% contra DSTs, mas é uma barreira adicional que reduz riscos de infecção juntamente com a camisinha e outros métodos anticontraceptivos.

4. Sensação de pureza

Outro mito que vai água abaixo é o de remover o pêlo na zona do biquíni porque acreditam piamente que isso vai ajudar a manter a sensação de frescor por mais tempo. Pois é, mas aqui acontece o oposto. O pêlo impede que bactérias patogênicas e oportunistas vão diretamente até a vagina. Ou seja, os pêlos pubianos ajudam a manter o Ph em condições normais para o aparecimento e desenvolvimento de uma microflora saudável que não cause cheiros ruins.

Confira o restante da nossa lista na página seguinte.

5. Proteção contra o frio

É estranho pensar nisso, mas estes pêlos ajudam a manter uma proteção para a genitália feminina caso a temperatura seja muito baixa. Você pode não se dar conta, mas a saúde do sistema reprodutivo é frágil, e os processos inflamatórios dos órgãos reprodutivos podem ser longos e cheios de sintomas desagradáveis. Além disso, isto pode criar uma dificuldade da mulher engravidar e também outros problemas no decorrer da gravidez.

Agora que já falamos dos 5 motivos pelos quais não devemos arrancar todos os pêlos da “zona do biquíni” fica pra você refletir até sua próxima depilação. Lembrando que os pêlos vão muito além da estética e protege muito a nossa saúde. Ginecologistas e urologistas indicam que se corte o pêlo desta região com uma tesourinha e um pente fino. Outra solução, ao invés da depilação completa, é a de “cortes de cabelos íntimos” para sair da mesmice e é uma ótima alternativa para manter a “zona do biquíni saudável”. Demos as dicas, mas a escolha é totalmente sua!

Se gostou deste artigo, nos deixe um comentário, compartilhe com todos e nos acompanhe também no Instagram!
Fotos: Pixabay/ Giphy

4
O que você acha?! Juntar-se à conversa
Os motivos pelos quais todo mundo quer se mudar para o Canadá
18/04/18 06:03
Uau! Temos que tomar cuidado com nossos corpos
17/04/18 06:03
Mais a gente faz depilaçao por que eles dizem depiladinha cherosinha pelo aumenos e o que o meu diz e uma questao de higiene
17/04/18 06:03
Preservem a mata atlântica