0 Comentário

10 Sinais de que a saúde do seu fígado não está boa

1. Fraqueza

Se a sua rotina envolve uma alimentação balanceada, exerícios e o sono está sempre em dia, mas mesmo assim você sente um desânimo ou uma fraqueza sem motivo aparente, pode ser sinal de que o seu fígado não tem feito bem a sua função. Isso pode significar que seu corpo está trabalhando dobrado para compensar uma disfunção do fígado. Pode acontecer uma absorção de proteínas em seu corpo por toxinas e, isso, geralmente, seria usado para ter energia.

2. Estômago revirado

Sintomas como náuseas e chateações constantes podem ser por conta de problemas no fígado. É importante lembrar aqui que sintomas como dor de estômago podem também ser desencadeado por depressão e intoxicação alimentar. Mas se você tiver uma dor de estômago que te provoque suspeitas, isso pode acontecer porque seu fígado não está conseguindo se livrar de todas as toxinas.

1. Fraqueza

3. Problemas com a digestão

Como uma das funções do fígado é a produção do suco biliar, quando ele falha, esta substância deixa de ser produzida normalmente. E isso leva a problemas como inchaço abdominal, gripe, intolerância ao Álcool e síndrome do cólon irritável. O bile é responsável por digerir gorduras e captar nutrientes ao passarem pelo intestino. É composta por 85 % de água, 10% de bicarbonato de sódio e outros sais, 3% pigmentos, 1% de gordura, 0,7% de sais inorgânicos e 0,3 colesterol.

4. Perda de apetite

Quando o seu apetite não vem de forma alguma, podemos saber que há algo errado com o nosso corpo. O problema pode ser com o fígado, pois quando ele não cumpre sua função real, seu corpo não produz mais suficientemente o suco biliar, o líquido responsável por digerir a gordura que você come. E, consequentemente, quando você não digere bem o que come, você perderá peso e também o seu apetite.

2. Estômago revirado

5. Alterações na urina

Se o seu corpo estiver funcionando bem a cor da sua urina será pálida e saudável. E para isso inclui-se a ingestão de líquidos e também uma boa alimentação. Mas fique atento se a sua urina mudar a coloração para algo mais escuro mesmo com os hábitos saudáveis e isso pode ser um sinal precoce de dano hepático, Altos níveis de bilirrubina, que é uma substância amarelada encontrada na bile, que permanece no plasma sanguíneo até ser eliminada na urina, no sangue farão com que a urina fique laranja, marrom ou de cor âmbar.

3. Problemas com a digestão

6. Mudanças nas fezes

O suco biliar afeta não só a sua urina como pode também alterar a coloração das suas fezes. Isso é, quando o fígado não produz suco biliar suficiente, as fezes estarão modificadas, geralmente para um tom mais claro do que o normal. É comum que, uma vez ou outra, essa alteração ocorra, mas se isso se tornar frequente, você deve conversar com um médico.

7. Alterações abdominais

Dores abdominais que não estão relacionadas a um ciclo menstrual precisam ser sempre analisadas. A presença de câimbras ou dores no baixo ventre podem ser por alterações no fígado ou ascite, que é caracterizado por ácumulo de fluidos na área abdominal.

8. Icterícia
Problemas no fígado fazem com que os glóbulos vermelhos se decomponham e, então, eles são substituídos pela bilirrubina, o que traz o tom amarelado à pele. Isso traz o alerta do começo da icterícia.

4. Perda de apetite

9. Coceira na pele

Até a coceira excessiva da pele pode ser sinal de um fígado danificado. E quando ele encontra-se debilitado, a pele torna-se mais sensível ao toque, além de aparentar uma certa descamação. É possível ver algumas veias mais saltadas do que as outras.

10. Retenção de Fluidos
Este é outro sinal para ficar atento! Se os seus pés e mãos começarem a inchar pode ser por conta da retenção de líquidos. E isso pode ser por conta de vários problemas, inclusive insuficiência renal.

Se gostou deste artigo, nos deixe um comentário, compartilhe com todos e nos acompanhe também no Instagram!
Fotos: Pixabay / Giphy

12
O que você acha?! Juntar-se à conversa

10 sinais de câncer de bexiga que mulheres não devem ignorar