Polêmico

Publicado 2018-06-18
0 Comentário

Brasileiros são acusados de machismo e racismo na Copa da Rússia

Um grupo de brasileiros fez um vídeo que já é tido como o mais machista e racista da Copa do Mundo até o momento. Publicado no sábado (16), o vídeo mostra alguns homens que se aproximaram de uma jovem estrangeira, aparentemente russa, e fizeram uma gravação com ela. Até aí, tudo tranquilo. O problema foi o que eles falaram e cantaram, se aproveitando do fato de ela não falar português. O grupo cantou, por exemplo, “essa buceta é bem rosinha”, referindo-se à cor das partes íntimas da mulher.

Ela, sem entender uma palavra em português, acabou cantando junto com eles, provavelmente achando que tinha algo a ver com os jogos ou com o evento, sem ter noção do desrespeito. Nas redes sociais, o vídeo está sendo atacado por ser uma demonstração grotesca de machismo e racismo. De acordo com o jornal Metrópoles, um dos integrantes do vídeo já foi identificado por internautas como Diego Valença Jatobá, o ex-secretário de Turismo de Ipojuca (PE), na região metropolitana de Recife, à época no PSB.

Se gostou deste artigo, nos deixe um comentário, compartilhe com todos e nos acompanhe também no Instagram!
Fotos: Youtube/Twitter

167
O que você acha?! Juntar-se à conversa
Famosos que são um verdadeiro pesadelo quando estão em turnê