Polêmico

Publicado 2018-06-20
0 Comentário

Jurista russa denuncia brasileiros de vídeo machista com jovem

Parece que a situação pode ficar ainda pior para os brasileiros que fizeram o vídeo viral cantando músicas em alusão à cor do órgão sexual de uma mulher na Rússia em português. A jurista russa Alyona Popova fez uma denúncia contra eles e escreveu uma petição contra os atos machistas por violência e humilhação pública à honra e à dignidade de outra pessoa. De acordo com o site de notícias UOL, ela cita no documento a repercussão que o caso teve na imprensa e fala que eles podem ser punidos com multas ou até restrições na Rússia. Ela também disse ao site que espera que eles peçam desculpas publicamente à mulher pelo desrespeito.

Jurista russa denuncia brasileiros de vídeo machista com jovem 1

Três homens que aparecem no vídeo já foram identificados. Diego Valença Jatobá é ex-secretário de Turismo, Esporte e Cultura de Ipojuca, na Região Metropolitana de Pernambuco, e foi condenado pelo Tribunal de Contas do Estado do estado por irregularidades na prestação de contas de 2012 do município. Um batalhão de Polícia Militar também identificou o próprio tenente Eduardo Nunes. O terceiro é o engenheiro civil Luciano Gil Mendes Coelho, que foi secretário de Saúde e secretário de Educação do Piauí. Ele foi preso em 2015 em ação conjunta da Polícia Federal com a Controladoria Geral da União, em uma operação nomeada "Paradise."

Se gostou deste artigo, nos deixe um comentário, compartilhe com todos e nos acompanhe também no Instagram!
Fotos: Twitter

82
O que você acha?! Juntar-se à conversa
A Freira: a assustadora história por trás do filme