0 Comentário

Holanda proíbe uso de dois tipos de vestimentas para mulheres mulçumanas

A medida deve funcionar a partir do início de 2019 e passou por 44 votos a 31 pelo Senado na Holanda. A nova lei proíbe o uso de vestimentas que cubram o rostos, que vão de capacetes à roupas muçulmanas em locais públicos como escolas, praças, transporte público e ainda hospitais. A proibição entende que qualquer roupa que cubra o rosto deixando apenas os olhos a mostra, como a burca ou niqab, usados por mulheres muçulmanas. No caso, a medida não afeta as pessoas que usam apenas o hijab, que cobre o cabelo delas.

Holanda proíbe uso de dois tipos de vestimentas para mulheres mulçumanas 1

O governo holandês entende que a nova lei é "neutra em relação à religião". Para ser aprovada, ela foi apoiada por 3 partidos de coalizão com o governo do primeiro-ministro da Holanda, Mark Rutte. Agora, o próximo passo, é a ministra do Interior, Kajsa Ollongre, reunir-se com autoridades federias, como a polícia, para discurtir a implementação da lei, que prevê uma multa de até 400 euros, o equivalente a mais ou menos 1760 reais.

Holanda proíbe uso de dois tipos de vestimentas para mulheres mulçumanas 2

As vestimentas incluídas na proibição são a burca, a túnica que acaba cobrindo o rosto e que traz uma rede nos olhos, e ainda o niqab, que cobre tudo, mas deixa os olhos descobertos. Para o primeiro-ministro, a medida trata de situações em que há a necessidade da pessoa ser vista e que não há fundamento religioso por trás disso. Na Holanda, calcula-se que 400 mulheres façam uso da burca ou do niqab. A mesma medida já é lei em outros países europeus como França, Dinamarca, Bélgica, etc..

Holanda proíbe uso de dois tipos de vestimentas para mulheres mulçumanas 3

A reação da população e dos políticos variou bastante. Alguns especialistas criticaram o veto, afirmando que vai contra ao que se diz a respeito da liberdade religiosa. Mas para o partido populista e anti-islã, PVV, que já havia apresentado a proposta há 13 anos atrás, a nova lei foi recebida muito bem. "Um dia histórico, porque é o primeiro passo contra a islamização da Holanda". "Agora, podemos pensar no futuro em fechar todas as mesquitas do país", declarou a senadora Marjolein Faber do PVV, Partido para a Liberdade.

Se gostou deste artigo, nos deixe um comentário, compartilhe com todos e nos acompanhe também no Instagram!
Fotos: Pixabay / Unsplash

Holanda proíbe uso de dois tipos de vestimentas para mulheres mulçumanas 4
4
O que você acha?! Juntar-se à conversa
Acabe com a Insônia em Apenas 1 Minuto Com Um Simples Exercício