0 Comentário

Desde que dois sapos se casaram para agradar o “deus da chuva”, não para de chover em cidade indiana

Lalita Yadav, ministra de Estado para o desenvolvimento da mulher e da criança da Índia, organizou um casamento de dois sapos em um templo na cidade de Chhattarpur para agradar Barun Devata, o deus da chuva, e acabar com a seca. Centenas de pessoas se reuniram para acompanhar o tradicional ritual, que foi seguido por uma festa com muita dança. Duas pessoas vestidas como noivos carregaram as rãs em pratos decorados durante o ritual. De acordo com o jornal India Times, a oferenda parece ter funcionado.

A ministra Yadav representa nacionalmente o eleitorado de Chhattarpur, que se encontra na região de Bundelkhand, que tem sofrido com uma severa seca nos últimos dois anos. Aproveitando-se da polêmica situação, a oposição tem atacado a atitude a ministra, dizendo que ela está incentivando a superstição no país. A mulher se defendeu oficialmente dizendo que o casamento é uma “tradição lógica que era necessária para o equilíbrio do meio ambiente.” Nas mídias sociais, as reações foram acaloradas tanto apoiando quando fazendo graça do ritual e, com os supostos resultados exagerados, já há quem esteja pedindo que os sapos se divorciem.

Se gostou deste artigo, nos deixe um comentário, compartilhe com todos e nos acompanhe também no Instagram!
Fotos: Twitter

4
O que você acha?! Juntar-se à conversa
A vida de BRAD PITT após o divórcio de ANGELINA JOLIE