0 Comentário

Transformações de atrizes para papeis que vão deixar você de queixo caído!

O trabalho de representar muitas vezes exige bastante de quem faz. É preciso convencer o público de que aquela história é real, que existe emoção e verdade naquele personagem, para que as pessoas se interessem pela história e gostem dela. Afinal, como diz o ditado, a rte imita a visa,e é preciso fazer com que aquelas histórias que, até então estão somente no papel, ganhem vida, tenham emoções e sentimentos, assim como nós. E para isso muitas vezes artistas tem que passar por grandes transformações estéticas, que podem não ser somente de maquiagem, mas de postura, mudança da intonação da voz, trejeitos... Nessa galeria apresentamos 12 atrizes que se transformaram radicalmente para interpretar seus papeis, e você vai ficar surpreso como elas mudaram! Na primeira imagem a estonteante Cate Blanchett.

Cate Blanchett em Não estou lá

Cate Blanchett em Não estou lá

Nesse filme, super aclamado pela crítica e público, vários artistas se revezaram interpretando diferentes fases do artista Bob Dylan. Cate ficou irreconhecível! Ela ganhou um Globo de Ouro de Melhor atriz coadjuvante por esse papel, além de outros cinco prêmios em festivais e premiações. Cate deu um show de interpretação e recebeu o reconhecimento do seu trabalho.

Cate Blanchett em Não estou lá 1

Não perca o novo vídeo do nosso canal do Youtube! Um misterioso sarcófago de granito negro foi encontrado no Egito. Inicialmente, as pessoas não queriam que ele fosse aberto porque temiam uma terrível maldição. Agora que ele foi aberto, elas decidiram que querem beber um líquido vermelho encontrado no interior dele por motivos altamente questionáveis. Entenda essa história neste vídeo e decida se você apoia essas pessoas ou não:

Belíssima Charlize Theron

Nascida na Africa do Sul, Charlize Theron é uma ex-modelo, atriz e produtora que tem cidadania norte- americana. Depois de, aos 15 anos, presenciar a morte do pai sendo assassinado pela própria mão, que agiu em legítima defesa, a garota tentou a a carreira de modelo e dançarina, mas foi depois de fazer uma cena em um banco, após não conseguir descontar um cheque de sua mão, que ela foi descoberta e virou atriz.

Belíssima Charlize Theron

Charlize Theron em Monster

Por sua participação no filme Monster, Charlize ganhou um Oscar de melhor atriz em 2004, além de mais um Globo de Ouro, um Urso de Prata mais 8 prêmios de festivais e outras premiações. O filme conta a história de uma mulher que teve uma infância problemática e que se prostitui e certa noite, após ser agredida por um cliente, ela acaba assassinando ele.

Charlize Theron em Monster

Ellen Burstyn maravilhosa

Ellen Burstyn é uma atriz norte- americana de 85 anos que tem mais de 70 filmes em sua carreira, sendo ganhadora de um Oscar de melhor atriz, um Globo de Ouro e uma grande quantidade de outros prêmios americanos e internacionais. Um de seus papeis mais lembrados é o da mão da menina possuída em O Exorcista. Ellen é uma das poucas atrizes americanas a ter ganhado prêmios nas 3 premiações mais importantes dos Estados Unidos.

Ellen Burstyn maravilhosa

Ellen Burstyn em Requiem para um sonho

Requiem para um sonho marca a volta de Ellen para as super produções do cinema americano, após algum tempo se dedicando à carreira na televisão. No filme, que é um drama, e conta a história de declínio de 4 pessoas, e os abusos de drogas que eles cometem, entre outras situações, ela interpreta a mãe de um dos personagens e sua interpretação lhe rendeu a indicação para um Oscar.

Ellen Burstyn em Requiem para um sonho

Felicity Huffman lindíssima

Felicity é uma atriz norte- americana que é mais conhecida do grande público por seu papel em "Desperate Housewives". Ela inclusive recebeu vários prêmios e indicações como reconhecimento À sua interpretação na série de tv. Felicity é casada e também é fundadora de uma companhia de teatro.

Felicity Huffman lindíssima

Felicity Huffman em Transamérica

No filme independente Transamerica (2005) interpretou o papel de "Bree Osborne", uma transexual em fase final de transição social de gênero. Desejosa por esquecer seu passado, é surpreendida por um telefonema do filho de dezessete anos que se encontra preso numa cadeia em Manhattan. Os dois iniciam então uma emotiva viagem de automóvel entre Nova Iorque e Los Angeles. O filme foi apresentado no Festival de Cinema de Berlim e no Festival de Cinema de Tribeca, tendo recebido deste último o prêmio para Melhor Atriz. No mesmo ano recebeu o Golden Globe Award para Melhor Atriz (filme dramático) e em 2006 foi indicada ao Óscar da Academia para Melhor Atriz (principal).

Felicity Huffman em Transamérica

A deusa Glenn Close

Glenn Close é considerada uma das melhores atrizes da sua geração nos Estados Unidos. A norte- americana de 71 anos é conhecida por sua versatilidade ao interpretar diferentes personagens ao longo de sua extensa carreira no cinema. Dona de 16 prêmios, ela fez papeis consagrados em diversas produções, como por exemplo Atração Fatal e Feitiço da Lua.

A deusa Glenn Close

Glenn Close em Albert Nobbs

Albert Nobbs (Glenn Close) é uma mulher que vive como um homem, por forma a encontrar trabalho na conservadora sociedade irlandesa do século XIX. Depois de viver fazendo-se passar por um homem de trinta anos, Albert, trabalhando como um garçom de hotel, é conhecido pela sua extremosa dedicação ao trabalho, bem como pela sua personalidade introvertida. Albert foi poupando algum dinheiro com o objetivo de poder comprar uma loja para ela.

Glenn Close em Albert Nobbs

Hilary Swank radiante

Hilary é uma norte americana de 44 anos que começou sua carreira aos 16 anos. Ganhadora de dois Oscars como melhor atriz, ela é um dos grandes nomes da sua geração. Hilary que chegou a morar dentro de um carro com sua mãe, logo que elas se mudaram para Los Angeles para que Hilary pudesse realizar seu sonho de se tornar uma atriz, alcançou a fama quando participou de Buffy, a caça vampiros.

Hilary Swank radiante

Hillary Swank em Garotos Não Choram

Hilary foi cotada para o elenco de Boys Don't Cry (Garotos não Choram, no Brasil). Hilary recebeu boas críticas por sua atuação louvável neste filme, sendo eleita a melhor performance de 1999. Seu trabalho rendeu-lhe o primeiro Oscar na categoria de melhor atriz no ano seguinte. Tempo depois, Hilary também conquistou o Globo de Ouro por sua personagem em Million Dollar Baby ou Menina de Ouro, de Clint Eastwood.

Hillary Swank em Garotos Não Choram

A incrível Kate Winslet

Kate Winslet é uma atriz britânica, vencedora de um Oscar, um Emmy, quatro Globos de Ouro, três SAG Awards, quatro BAFTA e um Grammy. Ela é a atriz mais jovem a receber seis indicações ao Oscar antes dos 31 anos de idade, com sete indicações no total, e é uma das poucas atrizes a ganhar três dos quatro principais prêmios do entretenimento americano. Além disso, Winslet já venceu três prêmios do Sindicato dos Atores, e um prêmio honorário César em 2012.

A incrível Kate Winslet

Kate Winslet em O Leitor

No papel de uma mulher no banco de réus acusada de crimes nazistas durante a Segunda Guerra Mundial e que se envolveu com um adolescente no passado Kate Winslet
receberia sua sexta indicação ao Oscar, ganhando-o pela primeira vez. O prêmio viria na categoria de Melhor Atriz, por sua atuação em O Leitor.

Kate Winslet em O Leitor

A bela Marion Cotillard

Marion Cotillard é uma atriz francesa que faz muito sucesso com seus filmes no mundo todo. Ela também é ativista do Greenpeace e garota propaganda oficial da bolsa Dior Lady. Marion já foi capa de muitas revistas e fez vários filmes de sucesso mundial, entre eles Meia- Noite em Parias, A Origem, Peixe Grande e suas histórias Maravilhosas, entre outros títulos.

A bela Marion Cotillard

Marion Cotillard em Piaf - Um hino ao amor

Foi por sua interpretação de Édith Piaf em "Piaf - Um Hino ao Amor" (2007) de Olivier Dahan, que a atriz conquistou vários prêmios de cinema como o César, o BAFTA, Globo de Ouro e o Oscar de Melhor Atriz. No Festival Internacional de Cinema de Berlim, onde o filme premiado estreou, Marion obteve 15 minutos de ovação de pé dos presentes.

Marion Cotillard em Piaf - Um hino ao amor

A rainha de tudo Meryl Streep

A grande Meryl Streep é uma atriz norte-americana. Descrita pela mídia como a "melhor atriz de sua geração", Streep é conhecida principalmente por sua versatilidade em seus papéis e sua adaptação em sotaques. Vencedora de 3 Oscar e vários prêmios ao longo de sua carreira, ela com certeza merece o título recebido.

A rainha de tudo Meryl Streep

Meryl Streep em Anjos na América ( série )

Meryl Streep ficou completamente irreconhecível no papel e recebeu indicações e ganhou um Globo de Ouro e um Grammy por sua atuação na série. Ela conseguiu, com a ajuda da maquiagem, e com seu talento, fazer com que ficasse completamente irreconhecível, sendo impossível dizer que o tom de voz da personagem lembra o da atriz.

Meryl Streep em Anjos na América ( série )

Plena Nicole Kidman

Nicole Kidman é uma atriz e produtora australiana, nascida nos Estados Unidos, vencedora do Oscar de Melhor Atriz e de diversos outros prêmios de prestígio. Além do Oscar ela ganhou 5 Globos de Ouro, 1 BAFTA e vários outros premio em outras premiações. Nicole Kidman tem 51 anos e é uma das atrizes mais bem pagas de Hollywood. Possui uma estrela na Calçada da Fama, localizada no número 6801 do Hollywood Boulevard e por ser filha de australianos nascida no Havaí, tem dupla cidadania.

Plena Nicole Kidman

Nicole Kidman em As Horas

Por sua atuação em As Horas, onde trabalhou ao lado de Meryl Streep e Julianne mooore, ela recebeu um Oscar de Melhor Atriz. O filme de 2003 foi um sucesso de crítica e conta a história de 3 mulheres e como a vida delas se entrelaça.

Nicole Kidman em As Horas
34
O que você acha?! Juntar-se à conversa

Por que Hollywood não contrata mais Taylor Lautner?