Incrível!São Paulo

Publicado 2018-10-10
0 Comentário

Foi registrado o primeiro crime por importunação sexual da região de Bauru

Depois de muita conscientização e movimentação, vemos que a justiça avança mesmo em tempos de bastante turbulência no que diz respeito ao cenário nacional. Depois de passar das etapas de aprovação pela Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher (a medida prevista no Projeto de Lei 5452/16, do Senado de altera o Código Penal, Decreto-Lei 2.848/40) e sanção presidencial, o que antes era contravenção penal agora é considerado crime com pena de dois a quatro anos de prisão.

Foi registrado o primeiro crime por importunação sexual da região de Bauru 1

Além de criminalizar algo que era apenas contravenção, a nova lei vem preencher lacunas na justiça, já que comportamentos libidinosos praticados em público antes escapavam de uma punição à altura. O episódio do ano passado em que um homem ejaculou em uma mulher dentro de um ônibus em São Paulo aumentou a urgência e deu respaldo para a necessidade de uma punição mais grave.

Foi registrado o primeiro crime por importunação sexual da região de Bauru 2

Ao redor do país, estão sendo registrados diversos crimes de importunação sexual e na região de Bauru, mais especificamente em Igaraçu do Tietê que fica a 71 quilômetros de Bauru, já houve o primeiro registro de crime por importunação sexual, no dia 4 de outubro desse ano. O que aconteceu foi que uma jovem de 22 anos foi agarrada por um desconhecido durante a noite, enquanto estava de saída de uma escola.

Foi registrado o primeiro crime por importunação sexual da região de Bauru 3

Mesmo a polícia do município não fazendo plantão noturno, o boletim de ocorrência foi realizado em Barra Bonita. De acordo com os depoimentos e informações coletadas, o homem (25) segurou a mulher na rua, beijando-a a força e passando a mão em suas partes íntimas. A jovem prontamente ligou para o marido e eles acionaram a PM, que identificou e prendeu o criminoso. Após o depoimento, o acusado foi preso por importunação sexual e encaminhado para a cadeia de Barra Bonita.

Foi registrado o primeiro crime por importunação sexual da região de Bauru 4

Não perca o novo vídeo do nosso canal do Youtube! Não sabemos se o mais bizarro é conhecermos mais do espaço que do fundo do oceano ou o fato de existir vida por lá! Esses animais abissais evoluíram de um jeito tão peculiar que poderiam facilmente estar em filmes de extraterrestres! Conheça mais sobre o que o fundo do oceano nos guarda:

6 celebridades responsáveis por assédio sexual que não devem ser esquecidas

Desde Outubro de 2017, as notícias de assédio sexual sofridas por pessoas ligadas ao cinema, moda e fotografia nos Estados Unidos, grande parte delas de Hollywood, vêm trazendo um mar de lama aos noticiários. Todos os dias surgem novos nomes, e muitos deles já começam a sofrer as consequências dos seus atos. Sejam agentes, atores, fotógrafos, produtores, ninguém está imune a sofrer esse tipo de crime. E a mobilização das mulheres pôde ser notada em seu protesto no Globo de Ouro, quando todas as celebridades femininas usaram preto no tapete vermelho (veja aqui). Nesse post vamos contar tudo sobre esse terremoto que, pelo que parece, vai mudar a indústria do cinema!

6 celebridades responsáveis por assédio sexual que não devem ser esquecidas

1. Kevin Spacey

Ele havia se tornado, há algum tempo, um dos queridinhos da indústria do entretenimento. No ar até bem pouco tempo na série House of Cards, Kevin Spacey foi demitido pela Netflix após as acusações de assédio sexual que envolvia o ator. O ator foi acusado de assediar vários homens durante a produção da série. Depois disso ele foi acusado por Anthony Rapp de assédio quando tinha apenas 14 anos. Dois dias depois Roberto Cavazos disse que também sofreu assédio por parte de Kevin. O ator disse que faria tratamento após receber mais denúncias no Reino Unido.

1. Kevin Spacey

2. Mario Testino

Referência no mundo da moda e adorado por celebridades, o mundialmente conhecido fotógrafo Mario Testino foi acusado de assédio por 13 pessoas! Vários modelos e ex- assistentes acusaram o fotógrafo de ter feito investidas e até mesmo tentar iniciar uma relação sexual que, segundo as vítimas, nunca aconteceram pois elas não permitiram.
Jason Fedele diz que era impossível avançar na carreira sem que o modelo fizesse um ensaio nu para Testino. Mario Testino fez campanhas para Gucci, Burberry e Dolce & Gabanna.

2. Mario Testino

3. Bruce Weber

O também fotógrafo Bruce Weber recebeu 15 acusações de assédio sexual. Bruce, segundo as acusações, agiria de maneira semelhante a de Testino, fazendo investidas contra jovens modelos e assistentes. Ele costumava receber os modelos somente vestido com um robe, em seu quarto de hotel. Os modelos até criaram o termo brucificar, que era para fazer referência ao momento em que ele pedia privacidade no estúdio, pedia que os modelos fizessem um exercício de respiração e então tocava suas genitálias.

3. Bruce Weber

4. Harvey Weinstein

Produtor importante na indústria cinematográfica, Harvey chegou a ser acusado de estupro. Atrizes consagradas como Angelina Jolie, Gwyneth Paltrow, Rosanna Arquette, Mira Sorvino, além das francesas Emma de Caunes e Judith Godrèche e a inglesa Cara Delevingne relataram casos de assédio envolvendo o produtor. Após as acusações Harvey foi demitido de seu estúdio e sua esposa, com quem foi casado por 10 anos, decidiu se separar. Weinstein produziu “Pulp Fiction” e “Gangues de Nova Iorque” entre muitos outros.

4. Harvey Weinstein

5. Aziz Ansari

Até agora, esse é o último nome a ser denunciado em Hollywood. Uma semana depois de receber o Globo de Ouro na categoria de Melhor Ator em Série de Comédia, Aziz foi acusado de assédio por uma fotógrafa. O caso teria acontecido no final do ano passado, na entrega no Emmy, quando teriam se conhecido e marcado um jantar. Após o jantar os dois teriam ido até a casa do ator que teria insistido numa relação sexual, mesmo após as negativas verbais e não verbais da mulher. Ele trabalha atualmente na série “Master of None” da Netflix e ainda não se posicionou.

 5. Aziz Ansari

6. Dustin Hoffman

O consagrado ator norte americano foi acusado de ter assediado uma produtora quando ela tinha apenas 17 anos. Ela escreveu um texto na coluna de uma revista acusando o ator. Os eventos teriam acontecido durante as filmagens de “ A morte de um caixeiro viajante”, em 1985, quando ela era estagiária. Hoffman teria apertado as nádegas da então estagiária, feito perguntas constrangedoras e insinuações de cunho sexual. Ao final da coluna foi publicada uma nota onde o ator pede desculpas por quaisquer atos que possam ter desrespeitado qualquer mulher e que isto não é um reflexo de quem ele é.

 6. Dustin Hoffman

A única coisa que se espera é que essa realidade mude. Em entrevista recente a atriz Sharon Stone disse que já viu muitos casos de assédio em Hollywood, nos seus 40 anos de carreira. Mesmo com toda a repercussão que as denuncias vem causando, algumas pessoas acham que tudo não passa de alarde e que há uma caça às bruxas em curso na indústria cinematográfica. Vamos torcer para que essa realidade mude e que mulheres sejam respeitadas onde quer que estejam, independente de suas profissões.

Se você gostou deste artigo, deixe um comentário em nossa página! Compartilhe com os seus amigos e não esqueça de se inscrever em nosso canal no Youtube!
Imagens: Pixabay/ Instagram/ Twitter

 6. Dustin Hoffman 1

Não perca o novo vídeo do nosso canal do Youtube! Sabe aquela ideia que as pessoas têm de filme de Bang-Bang com um caubói forasteiro habilidoso duelando com um assaltante de banco no meio da cidade? Ou de pessoas brigando em bares e sendo arremessadas na água dos cavalos? Bem, talvez não tenha sido bem assim... Confira neste vídeo os mitos em que muitos acreditam sobre o Faroeste, mas estão longe da realidade:

7
O que você acha?! Juntar-se à conversa
Tim acorda clientes 1h mais cedo com troca de horários por acidente
Os mais comentados