0 Comentário

Coisas que nossos antepassados faziam sobre higiene e que hoje são impensáveis!

Não é de hoje que a higiene é um hábito cultural e causa várias desavenças quando falamos sobre. Inclusive um estudo recente de 2015 feito com 2.000 mulheres britânicas e que trouxe algumas "novidades" nesse aspecto. Bom, para começar quatro a cada cinco não tomavam banho diariamente, uma a cada 3 tinha um intervalo de 3 dias para cada banho. Além disso, uma a cada 8 ia dormir sem escovar os dentes. Você já pode estar fazendo uma carinha de nojo, mas esses hábitos de higiene nada mais são do que a cultura do lugar. Ou seja, tudo é relativo. E pode ser um pouco mais assustador quando se der conta de como os nossos antepassados higiênicos.

Roma Antiga e o xixi como pasta de dente

Roma Antiga e o xixi como pasta de dente

De acordo com escritos do poeta Catulo, era muito bom escovar os dentes com urina. Isso porque a urina que contém amônia, acabava clareando os dentes. Não conseguimos saber se eles acabavam cuspindo o líquido ou não.

Roma Antiga e o xixi como pasta de dente 1

Não perca o novo vídeo do nosso canal do Youtube! Os nossos hábitos e maniais podem até nos incomodar um pouco, mas como fazem parte da rotina, não costumamos pensar muito neles. Ainda assim, você já imaginou quanto nossas vidas podem melhorar se mudarmos pequenas atitudes que repetimos todos os dias?? Talvez você possa começar por estas cinco:

De acordo com descobertas de arqueólogos, os romanos não só preocupavam-se com os dentes, como também foram encontrados frascos de perfume e óleo. Além de limpadores de unha!

Roma Antiga e as roupas lavadas

Roma Antiga e as roupas lavadas

Depois de descobrirem que a amônia da urina ajudava a clarear as coisas, ela começou a ser usada para lavar roupas! Inclusive havia uma lavandeira chamada de fullonica e os trabalhadores pisavam no líquido para conseguir limpar a tal roupa!

Roma Antiga e as roupas lavadas 1

Os fullones, que trabalhavam na fullonica, eram várias vezes avistados na rua com baldes esperando por alguém que quisesse se aliviar ali. Depois de lavadas, as roupas eram colocadas no vapor de enxofre!

Feijão para tomar banho? Sim sim, com a Dinastina Wei.

Feijão para tomar banho? Sim sim, com a Dinastina Wei.

Há 3.000 anos atrás, os chineses usavam água de arroz para tomar banho, porém pouco depois foram usados feijões no banho deles. E além de feijão, era comum que fosse usado pâncreas de porco em sua composição.

Feijão para tomar banho? Sim sim, com a Dinastina Wei. 1

O composto era o sangue do pâncreas, com gesso, pó de feijão e alguma fragrância. E quanto maior era a pessoa, mais ingredientes o sabonete levava. Algumas composições chegavam a ser cáusticas!

Dióxido de enxofre como forma de limpeza na Idade Média e Grécia Antiga

Dióxido de enxofre como forma de limpeza na Idade Média e Grécia Antiga

O cheiro de enxofre é bem difícil de não saber qual é: ovo podre! Mas além do cheiro, o enxofre ainda pode fazer mal para o nosso sistema respiratório. Mas para os indianos, isso já foi usada durante operações e cirurgias para ajudar a purificar o ar.

Dióxido de enxofre como forma de limpeza na Idade Média e Grécia Antiga 1

E na Idade Média, o tal enxofre foi queimado em casas e prédios onde pessoas tinham morrido de doenças contagiosas. A lógica para isso é que muito provavelmente perceberam que o tal gás matava animais e plantas, então era bom testar isso...

Lysol: spray anti-germes

Lysol: spray anti-germes

Bom, na primeira metade do século XX, muitas mulheres acreditavam que o tal spray era uma forma de controle de natalidade. E antes de 1953, essa receita continha cresol, um produto que poderia causar queimaduras e morte.

Lysol: spray anti-germes 1

E o Lysol já foi usado para a higine feminina. Sim, você não está ouvindo errado! Então, o produto que causava queimaduras era utilizado para dar aquela limpada lá embaixo. E mesmo com reclamações, ele continuou sendo comercializado!

Como tomavam banho na Grécia e Roma antigas

Como tomavam banho na Grécia e Roma antigas

Os antigos atletas olímpicos, primeiramente colocavam um óleo com um abrasivo no corpo. Na época, era comum utiliza pedra-pomes e areia, e a partir dali, cobertos com aquilo eles raspavam a bagunça com uma ferramenta chamada strigil.

Como tomavam banho na Grécia e Roma antigas 1

Então, quando eles iam para a academia voltavam estranhamente limpos com uma ferramenta curva. Algumas vezes, o resultado da raspagem era usado como pomada, ou seja , até poder medicinal isso tinha.

Papel higiênico? Nada disso!

Papel higiênico? Nada disso!

Na Roma Antiga era comum que se usasse uma esponja do mar como papel higiênico e elas eram públicas, ou seja, nada, nada higiênico. Eram colocados baldes com vinagre e água salgada para que alguém limpasse para o próximo que fosse utilizar.

Papel higiênico? Nada disso! 1

Há registros que os americanos já utilizaram jornais, revistas e espigas de milho antes da invenção do nosso querido papel higiênico. Ou seja, até os tempos modernos ir ao banheiro poderia ser sacrificante.

Sudão antigo; mastigando ervas daninhas

Sudão antigo; mastigando ervas daninhas

Há cerca de 2000 anos as pessoas sudaneses tinham dentes muito bons! E o segredo era: mastigar ervas daninhas! A chamada tiririca roxa, que é uma planta que destrói as bactérias causadoras da cárie.

Se você gostou deste artigo, deixe um comentário em nossa página! Compartilhe com os seus amigos e não esqueça de se inscrever em nosso canal no Youtube!
Imagens: Pixabay / Twitter

Sudão antigo; mastigando ervas daninhas 1

Não perca o novo vídeo do nosso canal do Youtube! Sabe aquela ideia que as pessoas têm de filme de Bang-Bang com um caubói forasteiro habilidoso duelando com um assaltante de banco no meio da cidade? Ou de pessoas brigando em bares e sendo arremessadas na água dos cavalos? Bem, talvez não tenha sido bem assim... Confira neste vídeo os mitos em que muitos acreditam sobre o Faroeste, mas estão longe da realidade:

2
O que você acha?! Juntar-se à conversa

Como Se Lembrar das Suas Vidas Passadas